EGO: O MAIOR DE TODOS OS TRAPACEIROS


"O INIMIGO ESTARÁ NO ULTIMO LUGAR EM QUE VOCÊ PROCURAR"
(Frase de Julius Caesar / 75 AC)

 Hoje vamos falar sobre o maior de todos os trapaceiros, aquele cujo qual nem notamos a existência mas entramos em seu jogo e protegemos com a nossa própria vida se for preciso, o EGO.



QUEM É O EGO E O QUE ELE FAZ ?

Ego é um termo muito usado em psicanálise e filosofia para designar o "EU" ( do alemão "ich") que existe dentro de cada um de nós e sua principal função é buscar uma harmonização entre nossos desejos e a realidade, ou seja, é a força motriz que nos faz ir em direção realização destes desejos, sejam eles de qualquer espécie.

QUAIS SÃO ESTES DESEJOS ?


O desejo de ser reconhecido e aplaudido
Todos aqueles que você possa imaginar, desde bens materiais até aquilo que chamamos de paixões, como por exemplo o poder, amor romântico, status social, reconhecimento, atenção e fama, que na verdade veremos mais a frente que não passam de fraquezas pelas quais perecemos e abrimos a porta ao sofrimento psicológico, que é o tormento que sentimos em nossa consciência quando não atingimos a concretização destes desejos através dos meios que dispomos.

Uma frase que exemplifica bem este sofrimento psicológico a que me refiro seria:
"O sofrimento é o intervalo entre duas felicidades." (Vinícius de Moraes)

Ou seja, se substituirmos a palavra felicidades por desejos realizados teremos então exatamente a situação pela qual todos passamos, que é a de sofrer até que obtenhamos aquilo que acreditamos nos  ser benéfico ou de direito, e depois disto obtido, ou seja, do desejo realizado, reiniciamos novamente o ciclo "desejar-sofrer-obter", e isso ilustra com certa clareza o motivo da vida ser considerada por muitos filósofos e poetas como uma tristeza quase contínua interrompida por pequenas alegrias, ou nas palavras de Luiz Vaz de Camões: um ETERNO CONTENTAMENTO DESCONTENTE, e assim chegamos a conclusão de que o EGO ao não ser satisfeito é a causa de nossos sofrimentos, pois não é possível viver alimentando-o ininterruptamente.

OS MOTIVOS QUE LEVAM O EGO A SER UM DANOSO TRAPACEIRO:

"Você contra seu maior inimigo"
O ego é o MAIOR DOS TRAPACEIROS em que podemos pensar, pois ele simplesmente existe dentro
de nós sem que possamos perceber, e seu maior golpe é "EU SOU VOCÊ".

O problema é que o ego se esconde no ultimo lugar onde você procuraria uma solução para seus sofrimentos e angústias, ou seja, dentro de sí mesmo. Ele faz com que você assuma as necessidades dele como suas, os sentimentos dele como seus, faz você achar que ele é você, e também desenvolve uma proteção para sí próprio nos utilizando como instrumentos, e essa proteção não conhece limites, as pessoas mentem, enganam, roubam, matam, fazem o que for preciso para protege-lo, e tudo isso sem ter conhecimento de que estão em uma prisão, agindo como escravos, não conhecem a diferença entre isso e a liberdade.

 Ele manifesta suas insatisfações como inimigos externos, a quem nós assumimos como culpados por nosso sofrimento. Por exemplo, na religião o ego se manifesta como o demônio, e ninguém percebe como o ego é esperto, pois ele criou o demônio para que você culpe o outro

Ao criarmos este inimigo externo imaginário criamos um inimigo para nós mesmos, que se torna uma ameaça real para o ego apesar de ser também sua criação, ou seja, não existe nenhum inimigo externo, não importa o que a "voz" na sua cabeça lhe diga, toda percepção do inimigo (ou culpado por nossas não realizações ou angustias) é uma projeção do ego como inimigo, e neste sentido podemos dizer que 100% dos nossos inimigos externos são nossas próprias criações. Seu maior inimigo é sua própria percepção interior, sua ignorância, seu ego.

O filme de Guy Ritchie chamado REVOLVER trata deste assunto:

Repare na voz que fala com Jake Green, o protagonista do filme, parece sua própria voz mas na verdade é seu EGO lhe dando as ordens, o que fazer, o que pensar, e principalmente apontando os inimigos... 



No video seguinte perceba o meio que Jake Green utilizou para derrotar seu real inimigo, seu EGO, ao abraçar a dor que sentia ao se desculpar e se ajoelhar perante o homem que o fez ser preso por 7 anos em uma cela em regime solitário. Veja o Ego lutando contra isso e gritando em sua cabeça:


 COMO DERROTAR O EGO:

A derrota definitiva do ego acho ser impossível já que ele faz parte de nossa estrutura psicológica, mas acredito que possamos controla-lo, diminuindo assim nossas aflições durante a vida devido a sua não satisfação.

A forma de combate-lo e enfraquecer seus efeitos é teoricamente simples, porém de difícil execução, pois requer muita disposição para mudar sua forma de ver o mundo, força de vontade e o mais difícil de tudo que é ABRIR MÃO DA MAIORIA DE SEUS DESEJOS, através da compreensão de alguns preceitos básicos que seriam:

-A NECESSIDADE DE APROVAÇÃO:


"TAMBÉM CONHECIDA COMO AUTO AFIRMAÇÃO"
O primeiro item, e um dos mais importantes também, é aprender a não depender da aceitação, aprovação ou reconhecimento por parte de outros indivíduos.

A maioria das vezes quando fazemos algo tentamos julgar se foi bem feito ou mal feito levando em consideração a opinião e aceitação de terceiros, o que invariavelmente acaba nos trazendo duvidas geradoras de aflições, já que aquilo que para nós é correto e bonito com certeza existe a possibilidade de  não ser visto exatamente da mesma forma por pessoas diferentes, e sendo que nos baseamos em suas respostas sobre aquilo que dissemos ou fazemos vamos acabar nos decepcionando por não conseguir AGRADAR a todos, e ferindo nosso ego pela falta de um de seus alimentos que é justamente o reconhecimento que esperamos, os aplausos, e então sofremos.

Devemos a aprender então a fazer, falar e agir sem esperar reconhecimento algum, seja lá o quão incríveis sejam nossos feitos, não devemos esperar nenhum tipo de parabéns, devemos por tanto apenas "fazer o bem pelo bem" e não esperar nada alem disso.

- AUTO-CONHECIMENTO:


"SABER QUEM É SEU VERDADEIRO EU"
Como esperamos combater um inimigo que está dentro de nós mesmos sem conhecer o campo de batalha ?

Conhecer o campo de batalha significa ter auto-conhecimento, auto-crítica, se observar e ficar sempre atento em analisar sempre que estivermos sofrendo quais são os motivos reais disto, se realmente deveríamos estar tão tristes ou ressentidos, quais atitudes poderíamos ter tomado para que a situação não tivesse chegado a esse ponto, e assim agir de acordo da próxima vez.

Conhecer nossos medos e anseios através da reflexão de nossa própria personalidade, procurando sempre encontrar as brechas por onde a fraqueza penetra.

-O ABANDONO DAS PAIXÕES EGOÍSTAS E O DESAPEGO EMOCIONAL:





Uma das fontes de alimento do ego e também uma das que mais causam angústias hoje em dia são os relacionamentos amorosos. Isso ocorre por que eles são vistos da forma errada, não existe aquele amor desinteressado, apenas pelo prazer de ver a outra pessoa da relação bem, tudo se baseia no EU, ou seja no EGO.

Cansa-se de escutar lamentações do tipo "Ele ou ela não ME ama", ou então "Não faz o que EU quero.", e isso deixa claro o egoísmo extremo em que essas relações se baseiam, ou seja, apenas na auto-satisfação de cada um e não em tentar suprir as necessidades um do outro. 

Todos querem ser amados, compreendidos, admirados, aclamados, tidos como desejados, mas esquecem de que antes disso devem eles mesmos fazer tudo isso pelo outro, admirar, compreender, ajudar... e mesmo assim sem esperar nada em troca, como já foi dito esquecem de "fazer o bem pelo bem" e apenas esperam terem o EGO massageado, inflado, e quando isso não acontece desabam em lamentações, surtos de fúria, de tristeza e até depressões.

Não é de hoje sabemos que não devemos deixar nossa tranquilidade e paz de espirito nas mãos dos outros e a depender de sua admiração.

-LEMBRAR SEMPRE QUE NÃO EXISTEM PROBLEMAS, APENAS SITUAÇÕES:
"ISSO SIM É TER PROBLEMAS, QUASE TODO O RESTO É BOBAGEM"
As vezes as pessoas se deixam cercar por situações desfavoráveis cujas quais poderiam ser solucionadas facilmente se não fosse a tendencia que temos a protelar as coisas, ir deixando pra amanhã, e isso acaba fazendo com que fiquemos estressados ou chateados por aquilo que chamamos de PROBLEMAS.

Quando esses problemas se acumulam muito acabam criando uma pressão cada vez maior sobre nosso inconsciente que nos faz perder a calma, a serenidade, e pode nos levar a depressões e em ultimo caso a atos de extremismo como violência e até mesmo o suicídio, basta lembrar das vidas que se vão por covardia de enfrentar essas tais problemas e acham infelizmente na morte uma solução.

Por tanto é extremamente recomendável tomar uma postura pró-ativa em relação a essas situações e se ir derrubando uma a uma, cada uma a sua maneira, evitando assim que se acumulem e nos causem angústias desnecessárias.

-APRENDER A LIDAR COM OS NOSSO ERROS:



Por mais que aqueles ditos fortes e resolvidos digam que não, pois seus egos querem se auto-afirmar é claro, todos nós temos nossos arrependimentos de erros que cometemos no passado. Esses erros quando não são analisados a fundo através da auto-reflexão podem continuar a ser remoídos durante muito tempo, nos tirando a paz e a tranquilidade que tanto buscamos.

Nosso EGO fica procurando culpados, articulando motivos e retirando da sua vista aquele que com certeza poderia ter sido o único a fazer algo diferente, se não daquela vez na próxima, para que aquilo não se repita: VOCÊ !

Todos já magoamos alguém que não merecia, fizemos coisas terríveis, perdemos amizades antigas e até quem sabe prováveis amores pelo fato de errar e não ter a coragem de admitir, ou pelo fato de nos terem injustiçado e não termos a capacidade de perdoar quem o fez, e isso logicamente e causado pelo EGO que não permite que nos "rebaixemos" a pedir perdão e também não permite que perdoemos verdadeiramente aqueles que nos magoaram sem haver algum resquício de ressentimento.

Devemos então aprender que errar é uma chance de aprender, de agir melhor na próxima vez e que perdoar é a chance que temos de nos colocar no lugar daqueles que magoamos.
---



Com certeza existem muitas outras coisas a serem levadas em consideração quando se trata da batalha eterna contra o Ego daqueles que querem ter uma vida melhor e por consequência se tornar pessoas melhores, pois é isso que acontece com aqueles que controlam essa força interna da qual tanto falamos hoje.

No futuro quando tiver desenvolvido melhores ideias a cerca deste assunto retornarei com ele e dividirei com vocês, por enquanto fiquem com as premissas básicas desta guerra que quando bem batalhada só traz benefícios a nós e aqueles que nos cercam.






De seu agora lord e senhor.
TIRANO.


Participe da comunidade no Orkut:
http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=122478003

Curta a pagina do TYRANT no FACEBOOK:
http://www.facebook.com/blogdotirano

19 comentários:

  1. Velho, meus parabens! Excelente texto!

    ResponderExcluir
  2. One does not simply defeat his own ego.

    ResponderExcluir
  3. Gostei do texto. gosto do assunto. espero um novo texto sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  4. velho...vc deve ter tido uma infância tenebrosa! Pois o texto está incrível...Parabéns e continue sendo detestavelmente observador!

    ResponderExcluir
  5. cara sem palavras,O Melhor texto que ja li,e encaixou como uma Luva em um problema que adquiri recentemente,só tenho a dizer Muito Obrigado mudou minha visão de vida.

    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Sério é exatamento como eu penso, perfeito o texto, só não fique com o EGO inflado, hein Felipe Cruz, rs!!!

    ResponderExcluir
  7. ego e vaidade... se você olhar em volta vai perceber que as pessoas são alienadas e movidas por uma necessidade de aprovação! é fácil observar isso nas pessoas...comece pelo facebook...todos estão mostrando suas fotos seus lugares seus corpos suas formações acadêmicas, suas graduações, opiniões, etc... uma necessidade tremenda de ser aceito e aprovado...a vaidade carregada no "eu sou" "vou ser" etc... é triste como esquecemos de que nas coisas mais simples se encontra a felicidade... não é em carros, diplomas, dinheiro, beleza..... eu demorei pra enxergar essas coisas e hoje já tracei novamente meu gps da vida e seguirei uma vida sem apego e vaidade...e graças a Deus enxerguei isso sem passar por nada grave ou "problemas" sérios...simplismente porque comecei a questionar e ler...aí descobri que viver em sociedade é uma tremenda armadilha..temos de saber andar na selva de pedra....

    ResponderExcluir
  8. Procurem por GNOSIS http://www.moria.org.br/

    ResponderExcluir
  9. Cristiano Schroeder22 de junho de 2012 02:14

    Quem tiver interesse em conhecer mais a fundo sobre o ego e outros temas interessantes recomendo a leitura do livro um novo mundo - o despertar de uma nova consciencia , o autor é eckhart tolle.

    ResponderExcluir
  10. Leiam o livro SEMENTE DE MOSTARDA do OSHO, ele fala como retirar de vez o ego de nossas vidas

    ResponderExcluir
  11. Um dos egos mais difíceis que eu sinto é o da "auto consideração". Eu tenho tido muita dificuldade em aceitar que não apenas o mundo não precisa de mim, como também não sou o "personagem principal".
    Existe um culto a esse ego. E vi muita gente ensinar que devemos dizer às crianças e pessoas que "você é especial".
    Não, pelo menos para a maioria das pessoas, não somos especiais. Somos humanos, cheios de erros, contradições e algumas qualidades.
    Mas estou conseguindo tirar o peso do mundo de minhas costas, relaxar, não culpoar os outros pelos meus problemas e não dar importância a pequenas humilhações diárias. Afinal, não sou ninguém especial. Só quero ser feliz.

    ResponderExcluir
  12. SAI DAQUI EGO!!! SEU CAPETA!!!

    ResponderExcluir
  13. parabéns!
    ótimo texto.espero que nao tenha feito ele esperando reconhecimento.rsrs(brincadeira)

    ResponderExcluir
  14. foda ler o texto, e o ego ficar atrapalhando a leitura! aehuaeuhahueeauh

    ResponderExcluir
  15. SIMPLESMENTE EXCELENTE!!!

    ResponderExcluir
  16. Otimo texto PORÉM eu não concordo com:
    1."100% dos nossos inimigos externos são nossas próprias criações"
    > NÃO TIRANO! Não são apenas e unicamente o ego o criador de nossos problemas esssa visão seria a visão de um doido pois nem tudo seria nossa culpa.

    2.EXISTEM LIMITES AO PERDÃO: Casos de estupros de pessoas queridas,assassinatos e outras aberrações humanas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim claro !
      Mesmo assim, quem decide o que é inimigo ou não é você.

      Excluir
  17. Tirano, ler seu texto hoje foi a melhor coisa que fiz. Vou tratar com que meus dias sejam melhoras daqui em diante. Esse texto sobre ego me esclareceu fatos sobre mim que no fundo eu já sabia, só não queria ter que aturar isso como pura verdade.

    Após esse texto, só me a resta a te agradecer por tirar do seu tempo pra fazer esse texto que na sua maior parte só irá beneficiar aos leitores, e dizer obrigado é o mínimo que posso fazer pra retribuir isto.

    Sucesso e imensa felicidade a ti. Um grande abraço!

    ResponderExcluir

*OBSERVAÇÕES SOBRE OS COMENTÁRIOS
-Comente! Sua participação incentiva o autor, e além disso sabemos que você não esta fazendo nada mesmo, né...
-Se for comentar como anônimo crie ao menos um pseudônimo para se identificar no final do comentário.
-Seu comentário será liberado e respondido assim que aprovado.
-Comentários ininteligíveis ou apenas com a intenção de ofender o autor do texto ou algum outro comentador serão ignorados. Nem tente.
-Os comentários e opiniões são de total responsabilidade de quem os postou. Tenha moderação e educação para não se foder depois.
-Lembre-se que vivemos na era do mimimi e do "Vou te processar!".