5 COISAS QUE APRENDI COM "O PODEROSO CHEFÃO"

 VAMOS FALAR SOBRE A SERIE DE FILMES MAIS VIRIL QUE JÁ PASSOU PELAS TELAS DOS CINEMAS DE TODO O MUNDO:

THE GODFATHER (O PODEROSO CHEFÃO) 
 AS 5 COISAS MAIS IMPORTANTES QUE UM HOMEM PODE APRENDER ASSISTINDO A TRILOGIA
(CUIDADO: MUITOS SPOILERS DAQUI EM DIANTE)
Musica para acompanhar a leitura


1- ATÉ MESMO UM MAFIOSO TEM BOM SENSO E ÉTICA, NA MEDIDA DO POSSÍVEL...

"Diga ao maldito Bial que não assistirei ao BIG BROTHER"
Durante o primeiro filme da trilogia temos a presença dele, o mafioso mais ético que do qual já ouvi falar, o magnânimo DON  VITO fucking CORLEONE, um dos 5 maiores mafiosos de Nova York e que não mede esforços para aumentar seus poderes e controlar seus negócios na cidade com mãos de ferro. 

Vindo da sicília completamente órfão e fugindo do homem que matou seus pais ele chega em terras americanas ainda muito jovem, se estabelece na cidade, casa-se e abre um pequeno negócio de venda de óleo e logo após isso começa a ser extorquido por um mafioso local que vive ameaçando a todos os comerciantes. 
Vito Corleone  muito insatisfeito com essa situação não baixa a cabeça e arma um plano em que ele acaba matando o tal mafioso e toma seu lugar, ganhando assim a admiração e o respeito dos comerciantes que antes sofriam com o mafioso anterior, visto que Vito Corleone é bem menos agressivo e compreensivo que o antigo, e também muito mais amigavel cobrando sua proteção não a base de somente dinheiro, mais de amizade e FAVORES prestados por quem ele protegia. Então Don Vito começou a levantar seu imperio, ele poderia se meter em muita coisa errada para conseguir dinheiro e poder, mas ele optou desde o inicio a não mexer com 2 coisas:  dorgas DROGAS e PROSTITUIÇÃO.

"Ha TIRANO, então o cara é MAFIOSO mais é bom caráter só porque não se envolve com drogas e prostituição ?"

Claro que sim !

Ele é mafioso, mexe com coisas erradas, mata gente e etc, mas ele só manda matar, espancar e metralhar quem resolve se meter com a mafia, ou seja, ele não fazia nada contra gente inocente, sempre que ele mandava dar uma lição em alguem era em gente que pagou pra ver, ou seja foda-se não era um inocente.
E ele prezava muito sua família e a sociedade que o cercava, e justamente por isso não se metia com drogas e prostituição, pois sabia que as drogas destruíam as famílias e a sociedade por motivos que acho desnecessários dizer, e também a prostituição pois não queria ver as ruas infestadas de vagabundas profissionais do sexo que eram grande causa das transmissões de DST e da desintegração moral dos homens.
Explicados os motivos dele para ter BOM SENSO sua mula camarada ?

2- A IMPORTÂNCIA DOS RELACIONAMENTOS DE AMIZADE, RESPEITO E CONFIANÇA.


"Amizade é uma coisa,mas beijo na nuca já é exagero..."


Durante o filme percebemos como as relações entre os personagens são muito baseadas nestes três pilares que são a amizade, respeito e confiança. Uma parte marcante do primeiro filme da trilogia se passa quando um dos comerciantes locais vem até a casa de Don Vito no dia do casamento de sua filha para lhe pedir ajuda para poder dar uma lição a uns marginais que fizeram mal a sua filha que se encontra em um hospital. Ele diz fazer qualquer coisa em troca de sua vingança contra os marginais.  

Essa é a resposta de Don Vito:

"Eu não me lembro da última vez que você tenha me convidado para tomar um café em sua casa, mesmo minha mulher sendo madrinha da sua única filha. Mas agora você vem até mim e diz: Don Corleone faça justiça.Mas não pede com respeito, não oferece amizade. Você nem mesmo pensa em me chamar de Padrinho. Ao invés disso, você entra na minha casa, no dia do casamento de minha filha e, me pede pra matar por dinheiro.
 Se você tivesse se cercado com um muro de amigos, isto não estaria acontecendo."

Preciso dizer mais ?
Ele deixa bem claro que se ANTES da tragédia ter acontecido o referido senhor tivesse demonstrado maior amizade e respeito isso não teria acontecido, pois ao terem conhecimento da amizade entre Don Vito e este homem ninguém se atreveria a fazer nada contra a garota, tanto por medo quanto por respeito a Don Vito, que era um homem muitíssimo conhecido e poderoso.

Outra frase dita por Don Vito que demonstra essas ligações de amizade é essa:

“Se um homem honesto como você tivesse inimigos, então eles seriam meus inimigos e temeriam você”

3- UM HOMEM TEM QUE FAZER O QUE UM HOMEM TEM QUE FAZER.

Durante o desenrolar da trilogia, mais precisamente entre o final do primeiro filme e o segundo vemos que após a morte de Don vito quem assume as responsabilidades como Don é seu filho, MICHAEL CORLEONE ( teria sido o mais velho dos Irmãos Corleone, Santino "Sonny" Corleone, mais ele foi desintegrado na bala metralhado por mafiosos rivais). Michael Corleone é um homem muito parecido com seu pai, inteligente, sensato e frio. O fato dele ter sido encarregado de cuidar dos negócios da familia desperta a inveja de um outro irmão, Fredo Corleone, que começa a achar que todos pensam que ele é incapaz de cuidar dos negócios, de sua esposa que o humilha e até de sí mesmo.
A partir daí o que acontece é que Fredo começa a criar problema para testar Michael e provar que ele não é digno do posto que ocupa na família, e por fim chega até a armar um plano com os inimigos de sua própria familia para matar Michael, que no fim acaba descobrindo que tudo foi obra de seu irmão.

Michael e seu irmão Fredo Corleone
Então Michael é obrigado a tomar uma das decisões mais difíceis de sua vida para proteger sua família e seus negócios que jurou tomar conta no lugar de seu pai, uma das quais ele não poderia voltar atrás e a qual ele se arrependeu e se culpou por toda sua vida: 

Matar Fredo, seu próprio irmão.

Decisão essa que rendeu a Michael não só o amargor de ter se tornado um homem sem sentimentos mais também ter se tornado um homem temido até mesmo por aqueles que amava e que se afastaram por medo.

Isso demonstra que homens de verdade, aqueles que tomam as rédeas da vida em suas mãos(e não aqueles que se deixam levar conformados pela vida) acabam vez ou outra tendo que fazer escolhas difíceis e sem retorno, e que caso elas não levem ao resultado esperado (ou mesmo que levem) o homem em questão terá que suportar as consequências, sejam elas físicas ou psicológicas de suas escolhas e atitudes pelo resto da vida.

4- MULHERES E CRIANÇAS PODEM SER DESCUIDADAS, HOMENS NÃO.

"Michael Corleone, o homem mais cuidadoso que já vi"
Essa frase sobre homens e os cuidados que devem tomar também é falada no filme, e demonstrada durante toda a trilogia.
Tanto Don Vito quanto Michael seguiram a risca esse pensamento, eram pessoas muito lógicas, de extremo bom senso e acima de tudo cuidadosas com os detalhes de suas operações, da família, de seus amigos e de seus inimigos. Faziam de tudo para não ter que passar por cima de algo que lhes causaria problemas, tentavam sempre dar a volta e contornar a situação, mais quando isso não era possível usavam todas as suas forças para exterminar qualquer empecilho, com força total e para que não restasse nem uma chance de que aquilo voltasse a lhes causar alguma dor de cabeça.

5 - O VALOR  E A ALEGRIA DA FAMÍLIA E DE SE TER FILHOS

Durante todos os 3 filmes, mas principalmente no primeiro é possível notar a importância com que Don Vito trata sua família, o carinho de seus filhos e a amizade entre eles. Bom, pelo menos até Sonny ser metralhado e Michael ter que mandar estourar os miolos de Fredo pelas costas enquanto ele pescava em um barco...

" Santino, Don Vito, Michael e Fredo Corleone"
No inicio do terceiro filme da trilogia vemos Michael Corleone escrevendo uma carta para seus filhos aos quais ele não vê a muito tempo e que ama muito, os convidando a vir em uma festa de caridade que ele dará dali alguns dias, e nesta carta ele descreve o que realmente ele obteve de importante na vida:

" Meus queridos filhos, faz muitos anos que me mudei para Nova York, e eu não mais os vejo tanto quanto gostaria. Tenho esperanças que vocês venham para a cerimonia de honra dada aos meus trabalhos com a caridade. A única riqueza neste mundo são os filhos; mais que todo o poder e dinheiro na terra, vocês são o meu tesouro"

Não é necessário dizer mais nada.

E ASSIM ACABAM AS 5 LIÇÕES QUE PODEM SER RETIRADAS DESTA GRANDIOSA OBRA PRIMA DOS CINEMAS E QUE INFELIZMENTE HOJE É ESQUECIDA EM DETRIMENTO DE LIXOS ADOLESCENTES OUTROS FILMES  DE EXTREMO MAL GOSTO COMO CREPÚSCULO...

Espero que tenham gostado!
Sem mais.

De seu agora Lord e Senhor.
TIRANO.

Curta a pagina do TYRANT no FACEBOOK:
http://www.facebook.com/blogdotirano

20 comentários:

  1. Essa trilogia é fantastica, nesses tempos até bandidos possuiam uma certa ética. Hoje essa palavra foi suprimida.

    ResponderExcluir
  2. cara eu pirei totalmente com esse filme ... fodastico

    ResponderExcluir
  3. Que vergonha de dizer que não vi nenhum desses filmes, mas como nessa vida a tudo se da um jeito... Valores e ética são utopias, hoje vivemos num mundo(Brasil) que estranha o bom censo, que não respeita nem valoriza suas origens, a lei é: cada um por si e que se foda o resto!!! E ainda achamos que somos espertos...

    ResponderExcluir
  4. Someday, and that day may never come, I'll call upon you to do a service for me. But, until that day, accept this as a gift.

    ResponderExcluir
  5. Tirano, quem foi que disse mesmo que o crime não compensa?

    ResponderExcluir
  6. É o melhor filme e triologia que eu já assisti! O livro também não fica atras. É simplesmente a MASTER PIECE do cinema mundial! Não me canso de assistir The Godfather. Coppola fez um trabalho de mestre. E claro com Al Pacino e Marlon Brando no elenco tudo fica mais perfeito.

    ResponderExcluir
  7. Para mim o melhor é o 1º Filme, Marlon Brando é de um técnica tão foda que até em coma ele detona como mafioso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza!
      E é no primeiro filme que aparece uma das cenas mais tensas que eu já vi na vida, a parte onde Michael assassina Sollozzo e o Tattaglia no restaurante, ÉPICO!!!

      Excluir
  8. ex-orgulhoso das origens15 de junho de 2012 17:07

    o foda das familias italianas é que quando o patriarca morre os filhos perdem o rumo e tendem a se degladiar, como aconteceu no filme. Minha familia é italiana (nao mafiosa) e acorreu da mesma forma. o Amor se transforma em odio muito facilmente.

    ResponderExcluir
  9. E o crime não compensa, pois ele foi lindamente e justamente punido no fim do terceiro filme com sua Filha pura e e maravilhosa sendo estupidamente morta por causa dele, com certeza ele prefiria ficar numa prisão pelo resto da vida do quer tido a filha morta.

    ResponderExcluir
  10. a principal lição q eu aprendi com esse filme foi "sem va a fruteira com o colete a prova de balas "

    ResponderExcluir
  11. Amo demais os filmes, sempre que posso assisto e já li umas 5 vezes o livro.

    ResponderExcluir
  12. Apreciar o lirismo da literatura e da ficção do cinema é uma coisa, chegar a valorizar a ideologia de pessoas e organizações reais que inspiraram essas histórias é outra. A Mafia (original, italiana) surgiu efetivamente com o propósito de proteger os imigrantes italianos da discriminação sofrida em outros países, por xenofobia, principalmente. Mas se deixar levar pela revolta contra a impunidade e corrupção que supostamente são recentes apoiando irrestritamente a máxima maquiavélica de que "os fins justificam os meios" é ser inconsequente, amoral e mais que periogsamente imaturo. E já falei, é isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente por isso que o titulo do texto é "5 lições que aprendi com O PODEROSO CHEFÃO" e não "5 lições que aprendi com A MÁFIA ITALIANA", pois tento somente tirar boas lições morais da obra de ficção e descarto as mortes que por também serem ficção nem aconteceram realmente.

      Mas compreendo seu ponto de vista e concordo !

      Excluir
    2. Excelsior!!

      Excluir
  13. Show de bola eu sou fã do Poderosoo Chefao só nao sabia que tinha mais dois filmes,inclusive eu li o livro e agora vou ter que conseguir os dois filme spara completar a trilogia.

    ResponderExcluir
  14. É um filme que vou assistir com meu filho. Esse filme tem algo de atemporal... o melhor filme. melhor livro. Ensina demais, principalmente a ficar com a boca fechada.

    ResponderExcluir
  15. Este filme representa sempre um antes e um depois na história do cinema, eu acho que é o melhor que eu vi tiras de filme. Tenho notado que desde que ela surgiu principais jogadores como Robert Duvall que partiram para construir uma carreira na tela grande ea menina também. Seu último filme ao lado de Robert Downey Jr. foi excelente, recomendo.

    ResponderExcluir
  16. Nem li tudo, pq vc já começou falando merda, primeiro o Vito Corleone não tinha nenhum comercio de oleo, ele trabalhava para a família do Genko, só que é obrigado a sair por causa do mafioso local, assim ele fica desempregado e conhece Clemenza, começa a entrar na vida do crime e depois mata o mafioso, só depois ele começa um negocio de azeite (não oleo).
    Segunda merda: Ele recusou as drogas, não a prostituição, na verdade a fonte de renda dele vinha de três coisas: Jogos de azar, Bebidas e Cabarés. "coisas que todo mundo quer mas a igreja proíbe" ele mesmo disse isso, então antes de fazer matérias pesquise mais sobre o tema...

    ResponderExcluir
  17. Bom, confesso que este por ter sido um dos meus primeiros textos aqui escrevi na empolgação e não me atentei ao detalhe de ele realmente ter matado o mafioso (Don Fanucci) antes de ter aberto seu comércio, quando este quis lhe extorquir sobre o lucro dos caminhões que andava roubando com Clemenza... falha minha. Porém, merda por merda você também falou algumas, então vamos a elas já que ao que parece você se irrita com imprecisões: O comércio que ele teve era sim de óleo, afinal de contas azeite na mais é que óleo extraído de azeitonas, ou será que azeite é outra coisa ? Quanto a Don Vito ter cabarés não me recordo disso, sendo que nos filmes e no livro ele é retratado como puritano, tendo seus lucros advindos de jogos de azar e bebidas, inclusive os cabarés eram coisa da família Tattaglia ( Philip Tattaglia, que morre num quarto com uma prostituta depois, durante o ataque total de Michael Corleone) e não de Vito.

    Cagamos os dois, portanto pesquise mais também quando resolver criticar algo que ler, e se for criticar ao menos leia tudo, ninguém ganha nada querendo parecer o fodão arrogante desprezando o trabalho dos outros, mesmo que com falhas, dizendo que nem leu.

    ResponderExcluir

*OBSERVAÇÕES SOBRE OS COMENTÁRIOS
-Comente! Sua participação incentiva o autor, e além disso sabemos que você não esta fazendo nada mesmo, né...
-Se for comentar como anônimo crie ao menos um pseudônimo para se identificar no final do comentário.
-Seu comentário será liberado e respondido assim que aprovado.
-Comentários ininteligíveis ou apenas com a intenção de ofender o autor do texto ou algum outro comentador serão ignorados. Nem tente.
-Os comentários e opiniões são de total responsabilidade de quem os postou. Tenha moderação e educação para não se foder depois.
-Lembre-se que vivemos na era do mimimi e do "Vou te processar!".